Coleções Botânicas


O Estado do Paraná possui um histórico bastante rico em estudos que contemplam a biodiversidade, sendo conhecido nacional e internacionalmente por seus pesquisadores, principalmente em taxonomia biológica. Um dos maiores naturalistas brasileiros, Dr. Gerdt Guenther Hatschbach, referência nacional e internacional em Botânica, é o grande responsável pelo acervo atual do Museu Botânico Municipal de Curitiba (MBM) considerado um dos maiores herbários do Brasil e o maior da flora paranaense. Seu acervo é formado por uma coleção devidamente identificada, catalogada e conservada com aproximadamente 320.000 exsicatas, além de coleções de amostras de madeira (xiloteca) e de frutos (carpoteca).

Além do MBM, o Paraná conta com mais onze herbários registrados no Index Herbariorum (http://sweetgum.nybg.org/ih/), totalizando cerca de 600.000 exsicatas, lembrando que não são todos os registros de materiais oriundos de municípios paranaenses, pois as coleções também incorporam material proveniente de outras localidades. Os outros dois maiores herbários do estado são os da Universidade Federal do Paraná (UPCB) e Estadual de Londrina (FUEL).

Também participam da rede de coleções os importantes acervos dos herbários das Universidades Estaduais de Maringá, Ponta Grossa e Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

  • Instituições Municipais

    SECRETARIA MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE

    Museu Botânico Municipal de Curitiba – MBM

    Fundado em 28 de junho de 1965, o Museu Botânico Municipal (MBM) possui um acervo de 400.000 amostras, sendo considerado um dos maiores herbários do país e o maior da flora sul brasileira. É um acervo científico devidamente catalogado e identificado pelos mais conceituados especialistas, tendo como público alvo estudantes e pesquisadores das áreas botânicas e afins. Apresenta um programa de permuta de duplicatas de material botânico, mantendo intercâmbio com 207 instituições congêneres, sendo 53 brasileiras e 154 internacionais. Possui, atualmente, cerca de 2.700 typus nomenclaturais. Anualmente o acervo é incrementado em cerca de 15.000 novos espécimes. Além do programa de permutas de duplicatas, ainda promove o empréstimo de exsicatas para dissertações de mestrado e teses de doutorado, para pesquisadores brasileiros e de instituições fora do Brasil. São também realizadas identificações de amostras para estudos fitoquímicos, ecológicos e farmacológicos de várias instituições de pesquisas paranaenses, além de algumas de outros estados (Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais). A coleção do Museu Botânico Municipal é reconhecida por sua importância, estando credenciada como Instituição Fiel Depositária de Componentes do Patrimônio Genético junto ao (CGEN). É reconhecida internacionalmente, sendo referência para o projeto Flora do Estado do Paraná.

    Herbário do Museu Botânico Municipal - MBM

    José Tadeu Weidlich Motta http://lattes.cnpq.br/1023761847644885

    Rua Engenheiro Ostoja Roguski, 690

    80210-390, Jardim Botânico, Curitiba, PR - Brasil

    e-mail: jomotta@smma.curitiba.pr.gov.br - herbariombm@smma.curitiba.pr.gov.br

    telefone: +55 (41) 3362-1800

    Informatização: Sonia Mara Ferraz de Oliveira – sonoliveira@smma.curitiba.pr.gov.br


    UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ - UEM

    Herbário da Universidade Estadual de Maringá – HUEM

    Criado no início da década de 1980, o Herbário da Universidade Estadual de Maringá - HUEM teve como objetivo a documentação da flora dos remanescentes florestais urbanos da cidade de Maringá (PR) e reuniu material coletado pelos professores de Botânica da Universidade Estadual de Maringá. Irenice Silva foi a primeira curadora, à qual se seguiram Maria Conceição de Souza, Cassia Monica Sakuragui e Mariza Barion Romagnolo. Atualmente a curadora é Maria Conceição de Souza e possui cerca de 27.000 registros, que compreendem, principalmente, plantas vasculares, mas possui, também, em seu acervo briófitas e algas perifíticas. Hospeda o acervo da Coleção Especial Vegetação Ripária-Nupélia, que compreende cerca de 13.000 registros de plantas coletadas em áreas ripárias, em especial na planície de inundação do alto rio Paraná (PR e MS). Conta com os seguintes pesquisadores: Liliana Rodrigues, Sueli Train e Susiclei Jati, em Ficologia; Rosilaine Carrenho e Sandra Maria Gomes da Costa, em Micologia, e Karina Fidanza (Melastomataceae), Kazue Kawakita (Poaceae), Maria Auxiliadora Milaneze-Gutierre (Bromeliaceae e Orchidaceae), Maria Conceição de Souza (Leguminosae, Sapindaceae e Tiliaceae) e Mariza Barion Romagnolo (Myrtaceae). Encontra-se credenciado como Fiel Depositário junto ao Conselho de Gestão do Patrimônio Genético do Ministério de Meio Ambiente; inserido na Rede Brasileira de Herbários, no Index Herbariorum, no Species Link e na Rede Paranaense de Coleções Biológicas (TAXon Line), e está vinculado aos seguintes projetos de pesquisa: PELD/CNPq - sítio 6, Flora do Paraná on line e Herbário Virtual da Flora e dos Fungos (INCT). As principais características do HUEM compreendem as coleções de Floresta Estacional Semidecídua, de plantas medicinais, de vegetação ripária e de algas perifíticas de águas continentais. Conta, em seu acervo, com material botânico proveniente dos raros remanescentes florestais ainda preservados na região noroeste do Estado do Paraná, principalmente de Unidades de Conservação federais, estaduais, municipais ou particulares. O Domínio Fitogeográfico da região é a Mata Atlântica e a Região Fitoecológica é a Floresta Estacional Semidecídua que, atualmente, constituem-se nas áreas mais degradadas do Estado do Paraná, sendo ampla e extensivamente explorada pela agricultura, em especial de cana-de-açúcar.

    Maria Conceição de Souza – Curadora (http://lattes.cnpq.br/4231730233517346)

    Universidade Estadual de Maringá

    Av. Colombo, 5790 – NUPELIA - Zona 7

    87020-900 - Maringá, PR - Brasil

    e-mail: macondesouza@gmail.com

    Telefone: +55 (44) 3261-4647 - +55 (44) 3011-4665

    Fax: +55 (44) 3263-4839



    UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ – UFPR

    Herbário do Departamento de Botânica da Universidade Federal do Paraná - UPCB

    O acervo conta hoje com cerca de 80.000 espécimes de plantas (Angiospermas, Gimnospermas, Pteridófitas, Briófitas, Líquens, Macroalgas em coleções secas, Microalgas em coleções líquidas). Possui uma forte ênfase sobre a Flora do Paraná, mas têm coletas de outros estados do Brasil e exterior. É a segunda maior coleção do estado. O herbário possui programa de permuta com outros herbários no Brasil e exterior, e é utilizado para identificação de plantas por leigos e pesquisadores das áreas taxonômica, ecológica, farmacêutica, agronômica e florestal.

    Paulo Labiak – Curador (http://lattes.cnpq.br/1649741077906139)

    Universidade Federal do Paraná

    Departamento de Botânica / SCB

    81531-970, C.P. 19031, Curitiba, PR - Brasil

    e-mail: plabiak@ufpr.br

    telefone: +55 (41) 3361-1627 - +55 (41) 3266-2042


    Renato Goldenberg - Vice-Curador (http://lattes.cnpq.br/8217524313663232)

    Universidade Federal do Paraná

    Departamento de Botânica

    81531-970, C.P. 19031, Curitiba, PR - Brasil

    e-mail: rgolden@ufpr.br

    telefone: +55 (41) 3361-1627 - +55 (41) 3266-2042



    UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ – UTFPR

    Herbário da Universidade Tecnológica Federal do Paraná – HCF

    O herbário HCF foi fundado no ano de 2000 e é a primeira coleção biológica a ser criada nos 12 campus na UTFPR. Até 2003 ficou estacionado em cerca de 500 amostras. A partir de 2003, com o apoio da direção do campus, começaram as coletas de maneira regular pelo estado do Paraná e outros estados brasileiros. Atualmente encontra-se diretamente vinculado à Direção Geral do Campus Campo Mourão da Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Atende pesquisadores e alunos do Curso de Engenharia Ambiental da UTFPR e pesquisadores e alunos de outras instituições. Possui programas de permuta e empréstimo de material botânico para outras 25 instituições nacionais. Desde 2008 está cadastrado no Index Herbariorum. Tem atuado em parceria com o Instituto Ambiental do Paraná no levantamento da flora das Unidades de Conservação regionais e em pareceres técnicos para subsidiar a conservação dos ecossistemas regionais, através do embasamento para criação de novas unidades de conservação e laudos para subsidiar autos de infração em crimes ambientais cometidos contra a flora. O herbário conta com ampla amostragem do notório cerrado de Campo Mourão e das Unidades de Conservação regionais. Possui atualmente três exemplares typus (um isótipo e dois parátipos).

    Marcelo Galeazzi Caxambu – Curador (http://lattes.cnpq.br/2164366461276479)

    Universidade Tecnológica Federal do Paraná Campus Campo Mourão

    Via Rosalina Maria dos Santos, 1233

    C.P. 271 - 87301-899, Campo Mourão, PR - Brasil

    e-mail: mgcaxambu@yahoo.com.br

    e-mail: hcf-cm@utfpr.edu.br - http://www.utfpr.edu.br/campomourao/o-campus/herbario

    telefone: +55 (44) 3518-1436



  • Instituições Estaduais

    UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA - UEL

    Herbário do Departamento de Biologia Animal e Vegetal da Universidade Estadual de Londrina - FUEL

    O Herbário da Universidade Estadual de Londrina foi iniciado em 1982, no então departamento de Biologia Geral. Em 1985, já contava com um acervo que permitiu seu cadastramento no Index Herbariorum. Posteriormente, em uma readequação da estrutura administrativa, o departamento foi dividido e o Herbário foi incluído no departamento de Biologia Animal e Vegetal, onde estão alocados os docentes da área de botânica e ecologia vegetal. Além das atividades de pesquisa do departamento, o herbário FUEL atende pesquisadores e alunos de graduação e pós-graduação dos cursos de Ciências Biológicas, Agronomia, Zootecnia, Química, Farmácia e Tecnologia de Alimentos e Medicamentos e Veterinária da Universidade, bem como alunos e pesquisadores de diferentes instituições. No herbário FUEL estão mantidas, atualmente, amostras, principalmente sob a forma de material seco, predominando as Angiospermas. Estas amostras provêm, em sua maioria, do Estado do Paraná, principalmente da bacia do rio Tibagi, além de outros municípios no Brasil. A coleção da bacia do rio Tibagi, que corta o estado do Paraná no sentido Sul-Norte, por cerca de 550 km, já incluiu coletas que expandiram a distribuição geográfica conhecida para diferentes espécies e descrição de novas espécies de árvores. A coleção de algas em meio líquido somam aproximadamente 850 amostras de fitoplâncton e perifiton, sendo a quase totalidade da bacia do rio Tibagi, ainda não informatizadas. A coleção dos tipos nomenclaturais conta com isótipos e parátipos, com as imagens disponibilizadas na rede. Os dados das exsicatas foram inicialmente incluídos em um banco de dados, desenvolvido pelo antigo Núcleo de Processamento de Dados da Universidade, a partir de 1999. O banco de dados foi migrado para o programa BRAHMS (atualmente na versão 7) e o acervo está todo informatizado. Desde 2006, o herbário está localizado em prédio onde conta com quatro espaços mobiliados e climatizados: acervo, sala de computadores, biblioteca e laboratório de apoio e a sala de preparação (cerca de 38m2). Uma sala em prédio separado com cerca de 15m2 é utilizada para secagem e desinfecção de material botânico, onde estão dispostas estufas para secagem e um freezer. Em outra sala, de mesma dimensão fica o laboratório de algas e a coleção em meio líquido. A sala do acervo para exsicatas, com cerca 75m2, acomoda um total de 66 armários de aço. A sala dos computadores (cerca 29m2) conta com cinco computadores, três impressoras e dois escaners em rede. O laboratório, 45m2, conta com lupa e lupa com câmara clara. O acervo bibliográfico (livros, separatas e periódicos de uso coletivo) está incluído em quatro estantes de metal.

    O herbário conta hoje com os serviços dos docentes do departamento e de um auxiliar técnico que é responsável pela condução de diferentes atividades (apoio de coletas, secagem e montagem de exsicatas, controle sanitário). A informatização, confecção de etiquetas, identificação de amostras e acomodação no acervo são atribuições de bolsistas e alunos de graduação e pós-graduação executam e/ou colaboram nestas tarefas como parte de suas atividades. O herbário FUEL apresenta uma série de intercâmbios de material com mais de 200 instituições nacionais e estrangeiras, além receber de visitas de pesquisadores. Os intercâmbios de material englobam a permuta de duplicatas visando identificação por pesquisadores ou somente incremento no acervo. Amostras da coleção podem ser emprestadas a especialistas, por períodos determinados, através das curadorias dos herbários onde trabalham.

    Ana Odete Santos Vieira – Curadora (http://lattes.cnpq.br/3613912831787120)

    Universidade Estadual de Londrina

    Rodovia Celso Garcia Cid, PR 445 Km 380

    C.P. 10.011, 86057-970, Londrina, PR, Brasil

    email: herbariofuel@uel.br / aovieira@uel.br

    telefone: +55 (43) 3371-4946 (Herbário)

    telefone: +55 (43) 3371-4550 (Fax)


    UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ - UEM

    Coleção Especial Vegetação Ripária – HUEM - NUPELIA/CNUP

    A Coleção Especial Vegetação Ripária - Nupélia (CNUP) foi criada em meados de 1988. Esta coleção abrange um acervo de mais de 15.000 espécimes e encontra-se vinculada funcionalmente ao Laboratório de Vegetação Ripária/Nupélia-UEM (Bloco G-80) e institucionalmente ao Herbário da Universidade Estadual de Maringá (HUEM). Encontra-se aberta para consulta por pesquisadores, mediante agendamento.

    Tem como objetivo principal o conhecimento da flora ripária, incluindo levantamentos, identificações taxonômicas e divulgação tanto científica como à comunidade em geral, além de gerar subsídios para estudos ecológicos, de conservação da biodiversidade, recuperação de áreas degradadas e de desenvolvimento sustentável, em especial das áreas ribeirinhas da Planície de Inundação do Alto Rio Paraná (MS e PR). Constitui a base de dados de diversas teses e dissertações ligadas a Taxonomia de fanerógamas e a Ecologia Vegetal (levantamentos florísticos e fitossociológicos).

    Condições de uso dos dados e espécimes:

    Os dados da coleção CNUP estão disponíveis para consulta. A utilização poderá ser realizada mediante autorização dos responsáveis, sendo a sua publicação condicionada à citação da procedência dos mesmos. O responsável pela coleção deve ser notificado se houver a publicação dos dados disponibilizados. Exsicatas não podem ser redistribuídas sem autorização prévia do responsável pela coleção.

    Kazue Kawakita – Curadora (http://lattes.cnpq.br/3320202435049971)

    Universidade Estadual de Maringá

    Av. Colombo, 5790 - Bloco G-80 - Nupélia

    Jardim Universitário

    87020-900 - Maringa, PR - Brasil

    e-mail: kazue@nupelia.uem.br - http://www.nupelia.uem.br

    telefone: +55 (44) 3011-5240 - (44) 3011-4639

    Mariza Barion Romagnolo – Curadora (http://lattes.cnpq.br/0056957951590328)

    Universidade Estadual de Maringá, Centro de Ciências Biológicas.

    Avenida Colombo, 5790

    Jardim Universitário

    87020-900 - Maringa, PR - Brasil

    Telefone: (44) 3263-4040 Ramal: 4665


    UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA - UEPG

    Herbário da Universidade Estadual de Ponta Grossa - HUEPG

    O Herbário da Universidade Estadual de Ponta Grossa (HUPG), também conhecido como o Herbário dos Campos Gerais, foi fundado em 1986 como um projeto de extensão e assim permanece até hoje, atuando no Ensino, Pesquisa e Extensão. Atualmente, conta com ca. 21.000 registros, com espécimes da Flora regional, uma coleção relevante de exemplares típicos da região, representada por ca. 240 Algas, 157 fungos, 445 líquens, 508 Pteridófitas e uma carpoteca com 306 registros. As famílias Fabaceae, Asteraceae, Myrtaceae, Poaceae, Cyperaceae, Eriocaulaceae, Bromeliaceae e Orchidaceae estão entre as angiospermas melhor representadas. A coleção possui uma palinoteca com 503 lâminas registradas. Os dados estão em processo de informatização sob o Programa NATURE e parte da coleção está disponível online pela rede Species Link.

    O Herbário tem intercâmbio com vários outros herbários do Brasil, especialmente do Sul do país. Atende professores, acadêmicos e alunos de pós-graduação da área de botânica em várias disciplinas dos cursos de Ciências Biológicas, Agronomia, Farmácia, Zootecnia e Geografia. Atende também, ao Núcleo de Estudos em Meio Ambiente (NUCLEAM) e às outras instituições estaduais e particulares de ensino e pesquisa, na identificação, permuta e empréstimo de material.

    Para a comunidade em geral, o Herbário presta serviços na identificação de espécies medicinais, tóxicas e invasoras. Também, tem divulgado a sua coleção através de palestras e uma cartilha informativa, desenvolvidas pelos bolsistas do Programa de Apoio à Inclusão Social, aos alunos de ensino médio e fundamental das escolas públicas e particulares, valorizando os estudos de plantas e a conservação dos ambientes naturais.

    Rosangela Capuano Tardivo – Curadora (http://lattes.cnpq.br/7759441232434795)

    Universidade Estadual de Ponta Grossa, Setor de Ciências Biológicas e da Saúde, Departamento de Biologia

    A.v Carlos Cavalcante, Cambus Uvaranas, Uvaranas

    C. P. 195, 84030-000, Ponta Grossa, PR - Brasil

    e-mail: rc.tardivo@uol.com.br

    Telefone: +55 (42) 3220-3126 – Ramal: 3742


    SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DO PARANÁ - SEED

    Herbário do Parque da Ciência Newton Freire Maia - IRAI

    O Herbário IRAI, inaugurado em 04 de outubro de 2007, possui em sua coleção espécimes coletados na Área de Proteção Ambiental do Irai e no Aeroporto Internacional de Curitiba Afonso Pena. Também mantém um programa de permuta de duplicatas de material botânico com outras instituições brasileiras. Seu acervo científico é devidamente catalogado e identificado por especialistas do Museu Botânico Municipal de Curitiba. O Herbário localiza-se nas dependências do Parque da Ciência Newton Freire Maia, que possui como objetivo a divulgação e popularização da ciência, tornando-se este, portanto, parte dos objetivos do Herbário; logo, além de pesquisas o Herbário IRAI também pode ser considerado um herbário didático pois desenvolve projetos de atendimento ao público para estudantes e professores do Ensino Fundamental, Médio e Superior.

    Estrada da Graciosa, 7400 - km 20

    Parque das Nascentes

    83327-055, Pinhais, PR - Brasil

    Telefone: +55 (41) 3666-6156


    UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, Campus Irati - UNICENTRO

    Herbário da Universidade Estadual do Centro Oeste - HUCO

    O Herbário HUCO iniciou suas atividades em 10 de junho de 2002, como Projeto de Extensão Institucional. Lotado no Departamento de Engenharia Florestal da Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO), campus Irati/PR desde 2008, o projeto está sob coordenação da Profa. Dra. Eneida Martins Miskalo, que assume as funções de curadoria.O Herbário mantém um acervo com predomínio de representantes de Floresta Ombrófila Mista, Densa e Estacional e de campo cerrado, perfazendo 5800 registros. Mantém intercâmbios com programas de permuta e empréstimos. Está em fase inicial de formação de palinoteca, através de projeto de pesquisa sobre identificação de pólen de espécies melíferas. O acervo está 50% informatizado ( Nature 2.0 ) e possui área física de 31,55 m². Além da curadora, estão vinculados ao projeto os professores: Dr. Nilton César Pires Bione e Dra. Vânia Rossetto Marcelino.

    Eneida Martins Miskalo – Curadora (http://lattes.cnpq.br/5595350722771565)

    Universidade Estadual do Centro-Oeste, campus Irati -PR

    Departamento de Engenharia Florestal - Laboratório de Conservação da Natureza

    e-mail: eneida_miskalo@yahoo.com.br

    Telefone: +55 (42) 3421-3097


    UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ – UNIOESTE

    Universidade Estadual do Oeste do Paraná – UNOP

    O Herbário da Universidade Estadual do Oeste do Paraná foi criado em agosto de 1996, pelo Dr. Bartolomeu Tavares, visando contribuir para o conhecimento dos alunos de graduação. É um dos poucos herbários na região oeste do estado cuja papel principal é a manutenção de uma coleção representativa da flora regional. As amostras de plantas vasculares são coletadas, prensadas, levadas a uma estufa à 70ºC de circulação de ar forçada, durante 2 ou 3 dias. Posteriormente, as plantas passam por um choque térmico, após três dias em freezer são levadas à estufa por mais um dia. Após este processo, as amostras são preparadas, segundo técnicas usuais de herborização, para a confecção de exsicatas. A coleção é mantida em temperatura e umidade controladas. As amostras de algas são coletadas, utilizando-se redes de plâncton e após o registro da amostra no herbário estas são armazenadas em meio líquido, utilizando solução Transeau. Atualmente, o herbário possui 8.122 espécimes registrados, reunindo principalmente, representantes de Charophyta, Chlorophyta, Bacillariophyta e entre as angiospermas destacam-se as famílias Araceae, Bignoniaceae, Fabaceae, Myrtaceae, Poaceae e Solanaceae. O herbário encontra-se cadastrado na Rede brasileira de herbários e a coleção está sendo informatizada com o sistema BRAHMS (Botanical Research and Herbarium management System), com a finalidade de disponibilizar o banco de dados para pesquisadores de outras instituições e contribuir em projetos mais amplos.

    Livia Godinho Temponi – Curadora (http://lattes.cnpq.br/6073829585718937)

    Rua Universitária, 2069

    85819-110, Cascavel, PR - Brasil

    e-mail: liviatemponi@yahoo.com.br

    telefone: +55 (45) 3220-3239

    Norma Catarina Bueno – Curadora (http://lattes.cnpq.br/9418172604810458)

    Rua Universitária, 2069

    85819-110, Cascavel, PR - Brasil

    e-mail: normacatarina@hotmail.com

    telefone: +55 (45) 3220-3239


  • Instituições Federais

    UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ – UFPR

    Herbário da Escola de Florestas de Curitiba – EFC

    O herbário Escola de Florestas Curitiba – EFC foi criado em 1982 pelos professores Carlos Vellozo Roderjan e Yoshiko Saito Kuniyoshi, com o objetivo de documentar a flora regional e servir como instrumento didático para os cursos de graduação e pós-graduação do Setor de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Paraná. Sua coleção principal conta com quase 15.000 amostras registradas, angiospermas, gimnospermas e pteridófitas. Conta também com uma carpoteca / germoteca didática. O acervo abrange essencialmente material coletado no Paraná, em todas suas formações vegetais, com destaque para a Floresta Ombrófila Densa e ecossistemas associados. Outro grupo bem representado é o dos Campos e Cerrados. As famílias melhor representadas são Fabaceae, Asteraceae, Myrtaceae, Melastomataceae, Rubiaceae, Lauraceae, Poaceae e Cyperaceae. As instalações do herbário EFC se encontram no prédio do Centro de Ciências Florestais e da Madeira, Campus III da UFPR. O acervo principal encontra-se informatizado e o EFC está aberto a permutas e empréstimos.

    Christopher Thomas Blum - Curador(http://lattes.cnpq.br/0183995863484543)

    Universidade Federal do Paraná

    Avenida Pref. Lothário Meissner, 900, Campus III

    Jardim Botânico, 80 210 170, Curitiba, PR - Brasil

    e-mail: herbarioefc@ufpr.br

    telefone herbário EFC – (41) 3360-4297

    telefone Curador – (41) 3360-4279


    UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ – UTFPR

    Herbário da Universidade Tecnológica Federal do Paraná – Dois Vizinhos - DVPR

    O Herbário da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Dois Vizinhos (DVPR) foi idealizado pelo Prof. Fernando C. Bechara em 2008 para atender às disciplinas de Botânica e também aos projetos de levantamentos fitossociológicos e de restauração de áreas degradadas do curso de Engenharia Florestal. Em 2009, a Prof(a). Daniela Aparecida Estevan foi contratada como professora de taxonomia vegetal e curadora do herbário. Após quatro anos de construção do prédio, o herbário DVPR foi inaugurado em 2012, já contando com mais de 800 exsicatas provenientes de doações dos herbários UNIFIL, FUEL e HCF. Atualmente, o herbário atende aos cursos de Engenharia Florestal, Ciências Biológicas, Agronomia, Zootecnia e Educação no Campo, e aos projetos de pesquisa, principalmente ao projeto CNPq (575081/2008-2) em convênio com a COPEL , o qual conta com diversas parcelas permanentes em fragmento florestal e em parcelas de regeneração passiva e ativa. O acervo é composto atualmente de cerca de 1.800 espécimes de plantas, principalmente de angiospermas, provindas de fragmentos da região, do projeto de restauração de áreas degradadas, e também de doações de outros herbários. A informatização do herbário teve início no final do ano de 2013, utilizando o programa Brahms e encontra-se em andamento. Apesar do recente e ainda pequeno acervo, a tendência após a consolidação do quadro de professores e das instalações do herbário, é crescer e se tornar uma coleção de referência para a região sudoeste do Paraná, que apresenta poucos trabalhos de levantamentos da vegetação e poucos registros em herbários. Com o ingresso da Prof.(a) Fernanda Ferrari iniciou-se também uma coleção de algas, e atualmente o herbário possui uma coleção de 44 amostras provenientes de projetos de pesquisa e ensino realizados por professores da UTFPR, em ambientes lóticos e lênticos (naturais e artificiais) localizados na região sudoeste do Paraná. Cabe ressaltar que o sudoeste do Paraná é uma região cuja amostragem das comunidades fitoplanctônica e perifítica de ambientes aquáticos é ainda incipiente, considerando o tamanho da área de drenagem, especialmente da bacia do Rio Iguaçu, no baixo curso deste rio. Neste sentido, esforços estão sendo feitos para ampliar o número de locais e ambientes aquáticos amostrados, objetivando aumentar o conhecimento e os registros da ficoflórula da região.

    Daniela Aparecida Estevan – Curadora (http://lattes.cnpq.br/8956072584800334)

    Universidade Tecnológica Federal do Paraná

    Estrada para Boa Esperança, Km 04

    85660-000, Dois Vizinhos, PR - Brasil

    e-mail:danielaaestevan@utfpr.edu.br - herbario-dv@utfpr.edu.br

    telefone: +55 (46) 3536-8900

    Fernanda Ferrari – Vice–Curadora (http://lattes.cnpq.br/8771581072531465)

    Universidade Tecnológica Federal do Paraná

    Estrada para Boa Esperança, Km 04

    85660-000, Dois Vizinhos, PR - Brasil

    e-mail: fernandaferrari@utfpr.edu.br - herbario-dv@utfpr.edu.br

    telefone: +55 (46) 3536-8900


  • Instituições Privadas

    FACULDADE UNIÃO LATINO-AMERICANA DE TECNOLOGIA

    Herbário da Faculdade União Latino-Americana de Tecnologia – FJAR

    O Herbário da Faculdade União Latino-Americana de Tecnologia foi fundado em 2004. Os principais objetivos de sua implantação/organização foram constituir se numa coleção de referência para a flora da Meso-Região do Norte Pioneiro do Paraná e como ferramenta para o ensino de Botânica nos cursos de graduação e pós-graduação.

    Helio Fernando de Oliveira Junior – Curador (http://lattes.cnpq.br/2640608997619043)

    Rua Santa Catarina, 04

    Jardim N. S. fatima

    84200‐000, Jaguariaiva, Pr - Brasil

    e‐mail herbário: helio@fajar.edu.br

    Telefone: (43)‐3535‐2830